quinta-feira, 4 de julho de 2013

Situação das embarcações de turismo e do cais é discutida em reunião.


Em reunião hoje 03.06 com o setor de embarcações de turismo foram abordadas e analisadas as principais reivindicações do setor. Estavam presentes 5 Secretários Municipais, 3 Vereadores,  3 Fiscais e 1 Procurador da Câmara e 1 da Prefeitura. Além do representante da Marinha. Fato inédito em qualquer reunião anterior com o setor.

Como representante da ABAPA estava Ricardo Juliano Rossi que abriu a reunião colocando a insatisfação do setor quanto ao abandono do cais de turismo. Em seguida o Prefeito Casé passou a direcionar a reunião no sentido de um documento que balize as ações futuras.

- Precisamos de uma ação conjunta para equacionar as principais solicitações de imediato. Entendo e acho justas, em sua maioria, essas reivindicações. Como poder executivo não posso agir de forma arbitrária e impulsiva. O que necessitamos é que a Câmara regulamente o setor para que eu possa agir dentro da lei. Disse Casé.

Os principais pontos são os seguintes:

- Valor mínimo da passagem.

- Controle sobre a venda de passagem.

- Alvará para todos os barcos.

- O sistema de concessão pública deverá ser implantado baseado no número de leitos que a cidade oferece.

- Reforma no cais de turismo contemplando o estacionamento, banheiros, iluminação e fornecimento de água.

O Presidente da Câmara Luciano Vidal prometeu empenho da Câmara para que até o dia 20.09 esteja em vigor a Lei de Ordenamento Turístico.

- Essa é uma questão que se arrasta há muitos anos e sem dúvida o Governo Casé vai resolver.  Vamos organizar as reuniões com os representantes do setor e ouvir suas sugestões. Antes do verão teremos o ordenamento. Afirmou Vidal.





Nenhum comentário: