quinta-feira, 6 de setembro de 2012

Os doentes (e a cidade) agradecem: fica proibido som alto em frente à Santa Casa


Projeto de lei do vereador Vidal, em aprovação pelo Executivo, proíbe som acima do permitido em decibéis a menos de 500 metros da Santa Casa de Paraty. 

Hoje, pacientes sob cuidados médicos são obrigados a suportar o som ensurdecedor de shows promovidos no areal do Pontal, que faz tremer as paredes da Santa Casa, danifica as construções do Centro Histórico e se espalha pelo resto da cidade, roubando o sono e afetando a audição das pessoas.   

Para eventos nesse local, o projeto também exige plano de segurança, estudos de capacidade de suporte para contingenciamento, plano de ordenamento do trânsito e plano de fuga em incidentes críticos.  Veja documento

Nenhum comentário: