segunda-feira, 13 de junho de 2011

Mais escolas abandonadas

A partir de denúncias sobre o descaso do Executivo municipal e da Secretaria da Educação com a escola de Trindade, que está em péssimas condições estruturais e virou um depósito de lixo, , dia 5/6, acompanhado dessa comunidade e do presidente da Associação dos Moradores, o vereador Vidal entrou com um pedido de ação civil pública, perante a Promotoria de Justiça de Paraty, para resolver essa situação. No dia seguinte, a juíza da Comarca de Paraty concedeu liminar obrigando a Secretaria da Educação a reformar o prédio num prazo não maior que 30 dias, a contar da data da entrega do mandato de citação judicial, como foi noticiado neste blog (v. Vai ter que resolver, 9/6). Agora, o vereador Vidal está aguardando orçamento para obras de reparos e manutenção na escola da Praia Grande, também com sérios problemas. Entre eles, uma encosta que exige um muro de contenção, pois corre o risco de deslizar sobre o prédio, segundo laudos da Defesa Civil e do DRM Departamento de Recursos Minerais do Rio de Janeiro. O vereador já relatou esse caso ao promotor público e, se não houver providências, vai entrar o mais breve possível com outro pedido de ação civil pública, para dar fim a essa situação e assegurar o acesso, a essa escola, das crianças e dos profissionais de ensino da comunidade de Praia Grande e região. Veja imagens.

Nenhum comentário: